Notícias

Paquetá é condenada a indenizar funcionário que realizava transporte de valores

24/04/2017 Direito do Trabalho

No presente caso, o juízo de primeiro grau condenou a empresa por obrigar seu funcionário a realizar transporte de dinheiro até as agências bancárias.

A função desempenhada pelo reclamante era desassistida de qualquer segurança.

Veja-se que a reclamada colocava a integridade física de seus funcionários em detrimento a maiores gastos, na medida em que, ao invés de contratar empresa especializada, obrigava seus próprios empregados a realizar a transferência e proteção de seu patrimônio.

Fonte: TRT da 4ª Região

Voltar para notícias